SEDUC informa que está analisando o pedido de cessão de professores para o colégio militar de Volta Redonda

23/02/2021 - 09:50

Na última segunda-feira (22), o jornalismo da rádio Sintonia do Vale recebeu uma mensagem de um ouvinte, morador do bairro Santa Rita do Zarur, em Volta Redonda. Ele comunicou que existe uma petição online em curso que reivindica o funcionamento dos colégios militares do estado, geridos pelo Corpo de Bombeiros. No Sul do Estado há duas unidades, em Miguel Pereira e Volta Redonda.

Na mensagem enviada pelo nosso ouvinte também consta mais uma solicitação. O público envolvido nessa petição online espera que o Secretário Estadual de Educação do Rio de Janeiro, Comte Bittencourt, publique um decreto de cessão dos professores para as unidades do colégio militar.

É importante destacar que as unidades de ensino são geridas pelo Corpo de Bombeiros, mas os professores são profissionais vinculados a Secretaria Estadual de Educação.

O jornalismo da rádio Sintonia do Vale entrou em contato com a SEDUC, e a resposta foi a seguinte:

‘‘A Secretaria de Estado de Educação (Seeduc) esclarece que está analisando o pedido de cessão de professores para a unidade escolar de Volta Redonda, administrada pelo Corpo de Bombeiros Militar. Durante o período de pandemia, considerando a possibilidade de casos de servidores com comorbidades, a Seeduc estabeleceu critérios rigorosos para a cessão de profissionais a outros órgãos, priorizando preservar a saúde do corpo docente e também garantir que as escolas da própria rede estejam com o quadro completo de docentes no início das aulas’’.

O ano letivo de 2021, na rede estadual de ensino, foi iniciado no início do mês de fevereiro de forma remota. Em março, a Secretaria Estadual de Educação tem o objetivo de retomar as aulas presenciais para os alunos que não possuem acesso à internet.